slideslideslide

Com ‘telecoteco e ziriguidum’, Oswaldo Sargentelli inventou o ‘show de mulatas’

Abril de 2002. O bar da Dona Jura – personagem de Solange Couto na novela “O clone” – se prepara para receber com honras um convidado ilustre, cheio de "ziriguidum, telecoteco, balacobaco, borogodó", como ele próprio gostava de falar, e que personificava como ninguém o espírito carioca: Oswaldo Sargentelli. Sambista, radialista, apresentador de televisão, empresário e “mulatólogo” (outra de suas invenções), ele era apaixonado pelo país e ajudou a difundir o samba e a cultura brasileira em "shows de mulatas" que organizava aqui e no exterior, num tempo em que o termo soava como elogio e não era alvo de acusações de racismo implícito.

Leia mais: https://acervo.oglobo.globo.com/em-destaque/com-telecoteco-ziriguidum-oswaldo-sargentelli-inventou-show-de-mulatas-21170942#ixzz6cwQkbTtD
 

Tecnologia do Google TradutorTradutor